quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Estou em um elétron?

Acho que sim, pois está tudo girando...
Peraí,
deixa eu entrar no caminho que me empurrou pra frente.
Agora já da pra ver tudo mais claro, seguindo a rota universal do maquinista,
que nos conduz pra realidade espacial.
A visão já começou a se fechar,
olhando no horizonte novo que começa a se formar...

conheça também "Conceitos são reflexos":

7 comentários:

  1. Sabe o que isso me lembrou???
    Quando a Alice esta correndo atrás do coelho...

    aiai...
    seguindo em frente SEMPRE!!

    beijos

    ResponderExcluir
  2. horizontes...
    sempre uma nova perspectiva,
    uma nova realidade.
    Minha visão muitas vezes se fecha por causa do medo, mas não tem como não encarar, não enfrentar.

    ResponderExcluir
  3. Que os horizontes tragam boas energias! =)

    Gostei daqui! =*

    ResponderExcluir
  4. vlw pelo comentário lá no blog.
    sua visita lá é muito importante pra mim.
    abraços.

    ResponderExcluir
  5. Ahh, é tão bom quando lá longe vislumbramos o horizonte e o novo surgindo, os primeiros raios de sol a nascer, mostrando o que de tão belo nos espera... E não tenho dúvida, há algo belo para ti lá!!

    Bjus...

    ResponderExcluir
  6. Parabéns,
    boas idéias,
    boas energias.
    Gostei daqui.
    :D

    ResponderExcluir
  7. Vertiginoso o poema !
    Fiquei girando também.
    Mas pra mim tudo tem sido mais sem graça.
    Como se eu estivesse em um Neutron.
    =)

    Abração meu grande
    Como sempre
    Muito bom

    Carlos Néri.

    ResponderExcluir