segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Boemia

A noite é de nostalgia e glória
As cinzas caem
E os copos (corpos) se esgotam
Ainda precisamos do desconhecido

23/01/10

9 comentários:

  1. Muito bacana o blog. Eu e meu amigos estamos começando com um agora.. quando quiser dar uma passada lá.
    http://defrente.zip.net/
    abraços.

    ResponderExcluir
  2. saudades de quem ou o que ainda não conheci ...

    ResponderExcluir
  3. o desconhecido é essencial para nos renovarmos

    ResponderExcluir
  4. Aí, Victor, visitei os blogs em que faz seus posts artísticos e gostei muito, cara. Os encontrei na comunidade "Blogs de Poesia". Sou também um experimentalista em meios aos Haikais, alí, com aquela pegada do leminsk, do millôr mas sem esquecer nunca de que o padrinho de todos eles é o Bashô e mantendo o conceito "simplicidade, simplicidade, simplicidade" e se às vezes eles não parecem nada simples é porque o conceito de simplicidade foi o que mudou, e não o nosso desejo de eles serem siples. Ok? (risos).

    Pois é, Victor, convido-lhe a dar uma olhada no vazioainda.blogspot.com que é o meu blog. Nele há uma lista com os blog que eu sigo lendo e o seu já faz parte dos meus favoritos. Temos que popularizar mais o Haikai, ele é o nosso fast-food poético mais saudável (risos), a verdadeira poesia de cada dia!

    Um abraço, cara!

    (esse recado era para o orkut, onde te add, mas não pude enviá-lo por lá, aí coloquei aqui junto com o comentário)

    ResponderExcluir
  5. Aí, Victor, visitei os blogs em que faz seus posts artísticos e gostei muito, cara. Os encontrei na comunidade "Blogs de Poesia". Sou também um experimentalista em meios aos Haikais, alí, com aquela pegada do leminsk, do millôr mas sem esquecer nunca de que o padrinho de todos eles é o Bashô e mantendo o conceito "simplicidade, simplicidade, simplicidade" e se às vezes eles não parecem nada simples é porque o conceito de simplicidade foi o que mudou, e não o nosso desejo de eles serem siples. Ok? (risos).

    Pois é, Victor, convido-lhe a dar uma olhada no vazioainda.blogspot.com que é o meu blog. Nele há uma lista com os blog que eu sigo lendo e o seu já faz parte dos meus favoritos. Temos que popularizar mais o Haikai, ele é o nosso fast-food poético mais saudável (risos), a verdadeira poesia de cada dia!

    Um abraço, cara!

    (esse recado era para o orkut, onde te add, mas não pude enviá-lo por lá, aí coloquei aqui junto com o comentário)

    ResponderExcluir
  6. singelo, sintético, imagético. é isso. poesia é isso. Abraços e bom fim de semana. (espero vc lá no SESC...)

    ResponderExcluir
  7. Ótimo blog.
    Estou a seguir-te.
    João Paulo Soares

    ResponderExcluir