quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Talvez seja saudade (Necessidade?)

A gente vai se esquivando e se enganando. E pra quê? (...) Sabe que me deu uma vontade, esses dias, de apenas te ver? Sei lá! Te ver! Nada mais. Estranho não é? (risos) Sabe... Sentar num lugar qualquer e ficar te olhando. Teu rosto. Teu sorriso. Olhos. Lábios. Cara a cara, saca? Mas eu sei que você vai ficar sem graça. É fato! (risos) Enfim... Mas a gente vai se esquivando e se enganando. Aos poucos se esvaecendo. E pra quê? Me diga! Não sei também. (...) Talvez pra quando chegar à noite, a gente abafar nossas lágrimas no travesseiro empoeirado de melancolia atravessada no tempo.

13 comentários:

  1. Sabe aquele texto que quando lemos, ele nos preenche e nós sorrimos?

    Pois é, esse foi o efeito que ele causou em mim, fez-me sorrir!!

    Lindo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. é... eu sei bem como é isso...! Mas... a vida é assim! Uma sucessão de coisas curiosas, sensações estranhas... Viver é sempre um perigo! Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Puxa vida eu fiquei olhando o pc um tempinho quando li isso e sorrindo com meus olhos.

    Adorei.

    ResponderExcluir
  4. ah, meu travesseiro, amigo de longas datas, consultar nas horas de crises, receptor de todos os meus sonhos, amigo fiel e mudo...
    enfim, belo texto.

    ResponderExcluir
  5. Hum...se eu disser que sei o que sente, estarei mentindo, mas digo que sinto algo similar...apesar de todos os pesares, mas no meu caso, quero sentir tudo de ruim que foi evocado...face a face, e dizer um adeus, ou um tchau prolongado, sei lá, face a face, mas nem dá. o travesseiro se torna um amgo que abraça, consola, abriga...mas existem outros amigos, tão humanos e em tamanho estado de fuga que tenta ao máximo compreender...e aqui você tem uma amiga, com toda certeza!! te adoro demais, beijos

    ResponderExcluir
  6. Ahhhhhhhhhhhh isso me causou saudades,e risos para o monitor!
    rsrsrs

    Belíssimo!

    ResponderExcluir
  7. a gente vai se esqeuivando e se enganando, aos poucos... a paixão cria em si, sentido!
    ; )

    ResponderExcluir
  8. Ixi, esta confusão que mescla saudade, dúvida e até timidez...
    * Cheiro de paixao!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  9. PALAVRAS... QUE SENTIMOS... PALAVRAS QUE AS VEZES NÃO SABEMOS O QUE QUER DIZER MAS DIZEMOS SEM MEDO DO ERRO...
    UM POÉTA É E SEMPRE SERÁ ESPECIAL, POIS PELA CARACTERISTICA DE SER ARTISTA, TOCA E CALA NO FUNDO DA ALMA...
    FELIZ A PESSOA PARA QUEM VC FEZ ESSE POEMA.

    ResponderExcluir
  10. Perdemos grandes oportunidades por temer a reação alheia e assim coibimos gestos que poderiam nos levar à felicidade... O jeito é chorar no travesseiro mesmo, rs! Muito bom!!!

    ResponderExcluir
  11. pq as coisas tão fáceis ficam tão difíceis? culpa nossa? pq simplesmente temos a mania de encontrar dificuldade nas coisas...!

    seria tão mais "fácil" se não fosse "difícil"...estranho isso!

    (adorei suas palavras, como sempre!)

    ResponderExcluir
  12. que isso quanto sentimento vc põe em suas palavras, muuito bom seu texto, tras paz, felicidade.
    Parabens, gostei demais do Blog e
    obrigado pela visita e pelo coment.

    ResponderExcluir